breve tempus

momentos na cultura antiga

domingo, dezembro 17, 2006

Dialéctica VI - Platão vs Godard

Contra a poesia:

Platão na República, 382e – 383a:


“- Por conseguinte, Deus é absolutamente simples e verdadeiro em palavras e actos, e nem ele se altera nem ilude os outros, por meio de aparições, falas ou envio de sinais, quando se está acordado ou em sonhos.
- Assim me parece, a mim também, à fé do que dizes.
- Concordas, portanto, - continuei – que haverá um segundo modelo, de acordo com o qual se deve escrever em prosa e em verso acerca dos deuses, como não sendo feiticeiros que mudam de forma nem seres que nos iludem com mentiras em palavras e actos.
- Concordo.”

A favor da Poesia:

Jean-Luc Godard em Alphaville (1965):

Alfa 60, um computador que controla a sociedade de Alphaville pergunta a Lemmy Caution, o herói de Godard:

“- O que transforma a escuridão em luz?
“- A poesia.”

Dá que pensar não dá?

Etiquetas: , ,

1 Comments:

At 12:18 da tarde, dezembro 29, 2006, Blogger Miguel G Reis disse...

Se dá!

Mas eu diria:
O que transforma a escuridão em luz?
O brilho do sol.

Ai o Caeiro...

Grande abraço Manuel e desejos de um feliz ano novo

 

Enviar um comentário

<< Home